Segunda-feira, 10 de Maio de 2010
Supreenda o seu marido,como fazer um striptease...

- Treine um pouco antes de o fazer para perceber como se sente e como a dança flui.

- Marque um encontro picante (por sms, mail, não interessa) ou apanhe-o completamente desprevenido.

- Pense no melhor local para dançar. Na sala? No quarto?

- Cuidado com os tapetes que escorregam, vasos que com o entusiasmo podem cair. Previna tudo isto.

- Ele tem de estar num sítio confortável e onde consiga vê-la de cima a baixo.

- Estudo os utensílios que vai utilizar: cadeira, lenços, óleos...

- Tenha em conta que a iluminação tem que ser suficiente para não tropeçarem em nada e para ele a ver por completo. Troque a luz de tecto por alguns candeeiros ou muitas velas.

- Não há nada como um bom champanhe ou um cocktail que ambos apreciem para desinibir um pouco e começar a aquecer – não abuse muito no início, senão ainda corre o risco de não conseguir levar avante o seu striptease, que, como se sabe, requer algum equilíbrio e muita elegância.

- As profissionais afirmam que um bom striptease dura pelo menos 3 músicas, ou seja, pelo sim pelo não, prepare mais do que uma.

- Não existem músicas certas ou erradas, por isso, escolha sempre temas que a façam sentir sensual, feminina e com muita vontade de mostrar o que vale.

- Ao contrário do que possa pensar, a roupa é fundamental num striptease: é como o papel de embrulho.

- A lingerie é essencial: pode ser um corpete, um fio dental quase invisível, ligas ou boxers com renda, o mais importante é dar-lhe a volta à cabeça, enchendo-lhe de vontade de arrancar tudo do seu corpo num ápice.

- No momento pense que é a mulher mais sexy à face da terra.

- Cada peça de roupa deve ser retirada muito devagar.





- Volte-se de costas (não quer começar já a mostrar tudo!) e comece por tirar o casaco, passando depois para a saia ou calças.

- A roupa inferior é sempre mais traiçoeira, porque pode ficar presa nos tornozelos, derrubando as mais desastradas! Quando a roupa estiver caída tente dar um passo elegante para fora da mesma, deixando-a onde está. Para as mais experientes tente com a ajuda do pé levar a roupa à sua mão (não se desequilibre) e lance-a na direcção dele.

- Os sapatos devem ser fáceis de remover (ou seja, sem tiras, cordões ou fivelas), bastando levantar a perna atrás de si e retirar um de cada vez.

- Para retirar as meias ou collants apoie a perna numa cadeira ou mesa e vá desenrolando muito lentamente até chegar ao tornozelo, altura em que são retirados.

- Volte-se para ele quando tirar a camisola ou a camisa, virando-se maliciosamente de costas na hora de retirar o sutiã.

- Deixe cair uma alça de cada vez e só depois é que desaperta o sutiã, mantendo-o no sítio com as mãos enquanto se volta e caminha na direcção dele. Enquanto um braço continua a tapar os seios, utilize a outra mão para libertar o sutiã, deixando-o cair no colo dele enquanto se afasta.

- Vire-se novamente de costas para retirar o que falta – as cuecas! Para que não pareça que se está a preparar para ir à casa de banho, faça isto de costas ou de lado, levantando as cuecas para cima e para fora, mostrando e tapando o que ainda está escondido. À medida que vai descendo as cuecas, deixe que o seu corpo acompanhe o movimento. Quando chegarem aos joelhos, devem deslizar até ao chão. Retire um pé de cada vez.

- Agora resista ao impulso de correr para o colo dele e venha daí um encore: dance, passe as mãos sensualmente pelo seu corpo, dê uma voltinha à sala, torture-o mais um bocadinho.

- Todos os movimentos do striptease devem ser executados lentamente.

- Se tiver de o amarrar à cadeira com a própria gravata ou cinto, força!

- As mulheres altas devem posicionar-se um pouco mais atrás do que as mais baixas.

- Durante o striptease, a roupa é para ficar onde cair, ou seja, tem tempo para arrumar a saia e a blusa logo… ou amanhã.

- Faça as regras no início: você pode tocar-lhe a ele, mas ele não lhe pode tocar, de forma alguma.

- Mantenha sempre a barriga para dentro, seios e rabo para fora.

- Toque no seu corpo, mexa as ancas com sensualidade, mas não exagerada. Tem que sentir a dança, se não ele vai perceber.

- Brinque com o cabelo.

- Nos momentos em que está parada, coloque sempre uma perna em frente à outra, levantando ligeiramente o pé do chão. Em vez de se sentir que está numa pose desajeitada e pouco sexy, sentir-se-á elegante, alta e em controlo.

- Uma vez retirada a roupa e como as mãos deixam de estar ocupadas, não tenha receio de utilizar acessórios: a gravata dele ou a sua écharpe é perfeita para passar sugestivamente pelo seu corpo e o dele.

- Mantenha sempre o contacto visual com ele. Mesmo quando estiver de costas, vá espreitando a sua cara de contentamento por cima do ombro.

- Divirta-se e sorria muito.



publicado por adm às 23:03
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar
 
.posts recentes

. Posições do Kama Sutra: a...

. Conselhos sobre sexo oral

. Virgindade – A primeira v...

. As principais curiosidade...

. 12 maneiras de se mastur...

. O Sexo dos tempos moderno...

. Os homens também fingem o...

. Erotismo e Poder

. Fantasias sexuais dos sig...

. Você só faz sexo na hora ...

. Impotência Sexual – Dúvid...

. Relações sexuais durante ...

. Sexo Seguro

. Orgasmo Feminino: Como Fa...

. Beijos, abraços, aperto d...

.Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

24
25
26
27
28
29

30
31


.arquivos

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Janeiro 2010

.tags

. todas as tags

.links
.subscrever feeds