Segunda-feira, 19 de Abril de 2010
As melhores técnicas para atingir o orgasmo sempre!

Qual é um dos maiores sonhos das mulheres? Atingir o orgasmo, o momento máximo de prazer, sozinhas ou com os respectivos gatos! Mas, infelizmente, nem todas conseguem "chegar lá" com facilidade... Por isso, preparamos um manual com todas as dicas para você gozar bem gostoso: há desde truques para você se entregar à masturbação até as posições mais incríveis para você e o parceiro aproveitarem muito!


O que acontece com seu corpo

1. Desejo
No início da excitação, o tesão é pequeno. "Há só uma predisposição para se fazer sexo", diz Maria Helena Vilela, do Instituto Kaplan. O corpo não sofre mudanças físicas, mas psicológicas e emocionais. Se rolar preguiça ou alguma dificuldade, pode-se não ir para a próxima fase.

2. Excitação
Se o estímulo for caprichado, é a hora em que o tesão chega e o corpo libera sinais da estimulação sexual. "Acontece a lubrificação, o canal vaginal se alonga, há ereção dos mamilos, a pressão arterial e a frequência cardíaca aumentam", diz o terapeuta sexual Celso Marzano. Então, o organismo fica pronto para a penetração e para o clímax.

3. Orgasmo
É o momento máximo do prazer! "No orgasmo começa a liberação de tensões musculares em todo corpo", explica Celso. A musculatura da vagina, do útero e do períneo sofrem contrações.

4. Resolução
Finalmente, os músculos relaxam e o organismo se prepara para voltar à fase inicial. "Nas mulheres, tal descanso é discreto e não afeta diretamente a condição sexual", diz Maria Helena Vilela. Ou seja, você pode continuar excitada e ter mais orgasmos!

Não rolou!
Se o seu orgasmo é raro ou nunca aconteceu, investigue, mas sem estressar, pois isso é comum. "A porcentagem de mulheres que não têm orgasmo é alta", garante a personal sex trainer Fátima Moura. Veja o que fazer:

● Se desconfia que tem alguma doença que possa tirar seu prazer, vá ao ginecologista. Esclerose múltipla, lesões neurológicas ou o uso de antidepressivo podem ser as causas do problema.

● O emocional também conta. Não gostar do próprio corpo e não se conhecer também limita seu prazer. Procure um terapeuta sexual.


Três dicas para você ir sempre às alturas

Especialistas explicam os pontos de maior tesão no corpo e o que se deve fazer (e pensar) para garantir um orgasmo incrível:

Explore-se
Algumas partes do corpo dão mais prazer. Se bem estimuladas, levarão você às nuvens. São elas: o ponto G (veja mais no slide seguinte), o clitóris, os seios, o umbigo e a nuca.

Fique concentrada
Durante o ato, entregue-se por inteiro. Preste atenção nas sensações, nos sussurros, nos beijos e na penetração. Não se preocupe com o que virá depois nem se obrigue a gozar.

Em ponto de bala!
Gozar com a penetração é menos comum porque a vagina é menos sensível que o clitóris. Por isso, você precisar estimular essa região para ficar muito excitada.


Como chegar ao orgasmo sozinha

Mãos à obra!
Boa parte das mulheres tem preconceito em se masturbar, mesmo sendo esse o caminho para um orgasmo garantido. "A masturbação ajuda a mulher a perder a vergonha do corpo e a conhecer as sensações que pode ter", explica Fátima Moura.

Quer uma dica para gozar gostoso sozinha? Tranque a porta, desligue o celular, acenda velas perfumadas e comece a fantasiar com um gato que a deixa com bastante tesão! Sem pressa, passe um ou mais dedos por dentro dos grandes lábios e pelo clitóris, como se fizesse o contorno do número oito. Você também pode investir em um vibrador (à venda em sex shops), repetindo, a técnica do oito, passando o brinquedinho pelo clitóris. Aí, é só esperar pelo clímax!

Encontre o ponto G
Ele fica a 2,5 cm da entrada da vagina, na parte superior. "Quando estiver tomando banho, fique bem relaxada e introduza um dedo na vagina, à procura de um ponto que desperte uma sensação boa", orienta Fátima. Quanto mais excitada você estiver, mais facilmente irá achá-lo.


Como chegar ao orgasmo com o parceiro

Farra no chuveiro
Que tal chamar o gato para explorar seu corpo? No banho, peça que ele descubra sozinho o que deixa você excitada! "Massagens e toques fora do ato sexual são fundamentais para o conhecimento dos parceiros", explica Celso. E quem sabe o clima não esquenta mais, né?!

Ah, as posições...
Nem sempre você precisa fazer um malabarismo na cama para que a transa valha a pena. Posições confortáveis com certeza trarão o desejado orgasmo. Escolha qual delas quer colocar em prática hoje!

1. Bem relaxada
Você fica com as costas apoiadas na cama. O gato deve deitar-se ao seu lado, mas de frente para você. Dobre as pernas por cima dele, na altura do quadril e encaixe. Esta posição é ótima para quem precisa de tempo para gozar, pois o sexo pode durar mais sem cansar. Além disso, você e o gato têm as mãos livres para estimular seu clitóris.

2. Sentada de costas
Com o gato deitado de costas na cama, sente-se por cima dele, mas de costas para o rosto dele. Deixe as pernas juntas e os pés apoiados entre as pernas dele. Feche bem as pernas, pois o encaixe entre você fica mais apertado e as sensações são mais intensas. Use a mão para estimular o clitóris.

3. Você controla
O gato senta no chão com as pernas estendidas. Você senta-se sobre ele, de frente para o gato, com joelhos apoiados no chão. Use os braços e as pernas para se movimentar. A vantagem desta posição é que você escolhe a velocidade e o ângulo da penetração. Para turbinar as sensações experimente mover-se não só para cima e para baixo, mas também para frente e para trás. Acertar em cheio o ponto G inclinando o corpo para trás.

4. De conchinha
Deite-se de lado e deixe o gato agarrá-la por trás. Em vez de mover o pênis para dentro e para fora, ele deve manter a penetração, empurrando levemente a parede frontal da vagina. Assim, o ponto G é estimulado. No final, vocês nem precisam mudar de posição. É só relaxar!

5. Ele por cima
Deite-se de barriga para baixo e levante um pouco o bumbum para que o gato consiga penetrá-la. Ele deve deitar por cima de você e erguer o corpo com as mãos para facilitar os movimentos. Você sentirá mais o vai e vem.


Faz bem à saúde

Alcançar o clímax traz muitos benefícios para o organismo - além do prazer, é claro!

Alivia dores
O gozo provoca a liberação de endorfina - um anestésico natural que reduz dores de cabeça, por exemplo - e do hormônio feminino estrogênio, que ameniza sintomas da TPM.

É a fonte da juventude
Especialistas garantem que o clímax faz a vida durar mais. Mulheres que aproveitam melhor a relação sexual vivem mais tempo do que as que não sentem tanto prazer na cama.

Cuida da mente
Há evidências de que os orgasmos frequentes deixam o cérebro saudável. A explicação: o cérebro da mulher utiliza mais oxigênio durante um ato sexual do que usaria normalmente.

Por Belisa Rotondi
Conteúdo do site VIVA! MAIS



publicado por adm às 23:15
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar
 
.posts recentes

. Posições do Kama Sutra: a...

. Conselhos sobre sexo oral

. Virgindade – A primeira v...

. As principais curiosidade...

. 12 maneiras de se mastur...

. O Sexo dos tempos moderno...

. Os homens também fingem o...

. Erotismo e Poder

. Fantasias sexuais dos sig...

. Você só faz sexo na hora ...

. Impotência Sexual – Dúvid...

. Relações sexuais durante ...

. Sexo Seguro

. Orgasmo Feminino: Como Fa...

. Beijos, abraços, aperto d...

.Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

24
25
26
27
28
29

30
31


.arquivos

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Janeiro 2010

.tags

. todas as tags

.links
.subscrever feeds